Este artigo é feito para você, nutricionista, que possui um consultório de nutrição – ou planeja abrir um – e quer fazer isso da melhor maneira possível: transformando o seu local de trabalho em um ambiente agradável e satisfatório para exercer a profissão e receber seus pacientes. Confira seis dicas para melhorar sua gestão!

Estrutura do Consultório

Faça de seu consultório um ambiente aconchegante e motivador com ajuda de uma boa pintura, cores claras, boa iluminação, plantas e cadeiras confortáveis. Ou, se for o caso, realize a decoração de acordo com o público atendido, por exemplo, se for um consultório voltado para a nutrição de atletas ou para o público infantil, uma decoração personalizada agrega muito. Acredite, não parece, mas esses detalhes fazem a diferença. 

Outra comodidade que pode ser um diferencial é, dependendo do público atendido, oferecer horários de atendimento variados para aqueles com horários de trabalho pouco flexíveis. 

Aproveite a tecnologia!

Hoje em dia, estar conectado a seu paciente vai muito além da atenção e dedicação no momento da consulta. Cada vez mais as pessoas esperam um atendimento personalizado, prático e interligado. Por isso, uma boa prática para o nutricionista se integrar cada vez mais a essa realidade é se utilizar dela para benefício do atendimento e do próprio paciente. Mas como? Use do seu conhecimento na área para compartilhar informações com seu paciente periodicamente.

Uma ideia é criar o hábito de mandar mensagens a cada um, perguntando, por exemplo, como está o andamento da nova rotina alimentar. Sempre respeitando os limites do profissionalismo e buscando fazer perguntas apenas relacionadas às consultas e aos hábitos de saúde que cabem a cada caso. Mas, se mensagens personalizadas a cada um não forem possíveis, não tem problema! Você ainda pode demonstrar cuidado com seu paciente de outras formas, como fazendo listas de e-mails e mandando felicitações de aniversário, por exemplo. 

Além disso, temos que admitir que hoje o médico não é mais a principal fonte de informação sobre questões de saúde. E o nutricionista menos ainda! Dietas, dicas, informações das mais variadas estão presentes nas mídias e páginas de internet. Auxilie seu paciente nesse momento também. Seja um ponto de referência para informações seguras e indique sites, blogs ou páginas de Instagram confiáveis.

Você pode ir além e se tornar você mesmo uma fonte de informação segura para aqueles que você já atende e possíveis novos pacientes. Crie um blog para compartilhar informações relevantes ou para dar explicações de questões discutidas na área de nutrição. Com o Instagram, por exemplo, você pode fazer postagens educativas e conscientizadoras. Assim, você se faz mais presente para seus pacientes já fidelizados e abre portas para que ouros possam te conhecer e querer marcar uma consulta. 

Mas atenção! Separe o profissional do pessoal. Tenha um perfil no Instagram como nutricionista, nele poste apenas dicas, explicações, imagens, curiosidades que tenham ligação com nutrição e com o seu atendimento. Não misture suas publicações privadas com o perfil para seus pacientes.

Ofereça Mimos

Você já ouviu falar em marketing de relacionamento? É uma estratégia utilizada por empresas para contato, interação e aproximação de clientes. Nela o foco não é vender um produto, mas garantir a relação com o cliente antes, durante e após a compra.

Consultas e acompanhamentos médicos não são produtos, são serviços essenciais à saúde e ao bem estar das pessoas. No entanto, a forma de construir uma boa relação entre médico e paciente – passando pela confiança, acolhimento, e respeito – é essencial para um atendimento bem sucedido. Por isso, pensar em maneiras de melhorar esse relacionamento, ou tornar o encontro o mais confortável possível é essencial para um vínculo duradouro e agradável.

Uma técnica simples, mas muito utilizada são os brindes. Mas você sabe o motivo dos brindes? Objetos personalizados de utilização diária fazem com que a sua presença fique marcada no dia a dia da pessoa presenteada. Não é ruim que seu paciente lembre de você e das suas recomendações né?

Dê produtos para experimentação, livros motivacionais, agendas… Parece uma coisa simples, mas é um gesto que conta muito. Afinal, quem não gosta de ganhar presentes?

Parceria

Além de investir na sua relação com o paciente, é muito importante também cultivar conexões com outros profissionais. Ter pessoas que divulguem seu trabalho é sempre uma boa ideia. Indicação, hoje, ainda é importante. Muitas pessoas ainda perguntam em consultas indicações de profissionais da saúde com outras especializações.

Também é interessante ser parceiro de uma academia, clínica ou de profissionais da educação física, pois podem ser outro caminho de novos pacientes chegarem até você, ou profissionais e estabelecimentos de confiança para você também poder indicar.

Procure por feedbacks

Crie pesquisas pós consulta com o intuito de entender qual nível de satisfação do seu paciente sobre o seu atendimento. É uma oportunidade de receber elogios e pontos a serem melhorados, ou melhor explicados para seus pacientes. Buscar saber a opinião de seu paciente demonstra que você está interessado e tem respeito por ele.

Mas é importante: o feedback não pode ser apenas por aparência. Se você está pedindo uma opinião de retorno, esteja pronto para escutá-la. Se coloque no lugar de seu paciente e avalie o que foi pontuado. Um profissional que consegue ser empático com as pessoas tem uma chance maior de sucesso, isso porque ao respeitar os outros, você se torna admirado e respeitado simultaneamente.

Invista em cursos de atualização

Um bom profissional se mantém sempre atualizado acompanhando as tendências da nutrição. Descobertas e novos estudos estão sendo feitos a todo momento. Estar atento às novidades é ser um profissional ativo. Investir em constantes atualizações permite a evolução, e não necessariamente para conseguir maior fidelização de pacientes, mas para ser cada vez mais capaz de entender e auxiliar cada um deles em seus casos específicos. O segredo é tornar o estudo um hábito: leia artigos, livros, participe de congressos ou cursos. Dedique-se à sua profissão!