A fidelização nada mais é do que a retenção dos seus clientes/pacientes através de estratégias de confiança, atendimento diferenciado e serviço de excelência.

Hoje, separamos algumas dicas de como encantar os seus pacientes. Vamos lá?

1. Entenda a dor de seu paciente

O seu paciente chegou até você por algum objetivo que deve ser levado em consideração durante a consulta. Na busca pela “dor” de seu paciente, sempre com muita empatia e altruísmo, não negligencie suas palavras, pensamentos, atitudes, para que assim você possa ajudá-lo em seus desejos, dificuldades e com a meta a ser definida.

2. Plano de ação

Monte um plano de ação pensado junto com o seu paciente, com metas que sejam acessíveis e alcançáveis.

3. Laços emocionais

O seu paciente precisa ter a percepção de que você está disposto a auxiliá-lo no que for preciso e entender que você não está na posição de julgador, mas cooperador.

4. Seja um bom ouvinte

Saiba ouvir e acolher o paciente. Dê atenção a cada uma de suas palavras.

5. Entregue o planejamento alimentar na hora da consulta

Imagine o tamanho da expectativa do seu paciente em ir até a sua consulta e sair de lá com o planejamento alimentar em mãos. Agora, imagine o balde de água fria que deve ser quando você diz: “o seu planejamento será liberado daqui a 2 dias”. Isso pode gerar uma frustração e decepção interna.

Obs: não estamos dizendo que seja errado entregar o planejamento alimentar depois da consulta, de forma alguma, inclusive, em alguns casos, é super necessário. Mas, em outros momentos, entregar o planejamento na hora pode ser uma forma de motivar e atrair o seu paciente.

6. Surpreenda

Surpreenda o seu paciente com algum mimo durante a consulta. Separamos algumas ideias: Você pode, por exemplo, fazer um combo de temperos e aproveitar para fazer uma explicação sobre suas propriedades funcionais. Garrafas personalizadas com frases motivacionais são, ainda, uma ótima ideia. Ou até pensar em fazer um mimo que contenha mudas de temperos para os seus pacientes.

7. Comunicação

Após o término da consulta, não deixe o seu paciente de lado. Marque na agenda algum dia da semana em que você vai parar para dar atenção e responder as dúvidas, ou verificar se está ocorrendo tudo bem. Além disso, você também pode enviar mensagens em datas comemorativas e que sejam importantes para o seu paciente, como por exemplo o aniversário dele.

8. Recolha o feedback de seu paciente

Uma boa estratégia é saber o que o seu paciente achou do serviço prestado. O “Net Promoter Score” é uma boa alternativa e se baseia em uma pergunta simples, rápida e objetiva como: “Em uma escala de 0 a 10, o quão você indicaria o meu serviço para seus amigos e familiares?”. Além disso, você pode deixar um espaço para sugestões. Assim, fica mais fácil saber a demanda e o que você precisa melhorar. Não tenha medo de mudanças, elas são necessárias, nos aprimoraram e nos fazem crescer.